Sexta-feira
21 de Junho de 2024 - 
Atendimento 24 horas em todo o estado do Rio de Janeiro

Corregedoria Nacional verifica atuação de unidades do MPPE em direitos fundamentais

A Corregedoria Nacional realizou nesta terça-feira, 21 de maio, a abertura oficial da Correição Ordinária com foco na promoção de Direitos Fundamentais no Ministério Público do Estado de Pernambuco (MPPE).   Até o dia 24 de maio, serão correicionadas 148 unidades do MP pernambucano: 112 de modo presencial e 36 na modalidade virtual. As correições presenciais contemplam a capital, Recife, e os municípios de Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Paulista, Abreu e Lima, Igarassu e São Lourenço da Mata; já as virtuais ocorrem nas cidades de Vitória de Santo Antão, Santa Cruz do Capibaribe, Ipojuca, Caruaru e Petrolina.   De acordo com o corregedor nacional, Ângelo Fabiano Farias da Costa (foto), o trabalho da correição busca ter, ao mesmo tempo, um caráter educativo e fiscalizador, bem como incentivar o diálogo com os integrantes da Instituição. "A ideia é fomentar essa atuação em prol dos direitos fundamentais, a fim de colaborar com o aprimoramento do Ministério Público de Pernambuco no atendimento à sociedade. Nesse sentido, o objetivo  é acompanhar como está a atuação dos colegas em temas como a violência doméstica, crimes contra a população LGBTQIAPN+, proteção das crianças e adolescentes, enfrentamento às organizações criminosas, proteção de dados pessoais, dentre outras temáticas", afirmou.   Ângelo Fabiano destacou, ainda, que a atividade correicional está em constante atualização. "A Corregedoria Nacional faz um trabalho de descoberta e aperfeiçoamento constantes. A possibilidade de trabalharmos por meio de correições temáticas foi um avanço e estamos trazendo, também, a correição pela modalidade virtual,  de modo a racionalizarmos o trabalho e o uso dos recursos pela Corregedoria Nacional", ressaltou.   Participaram da mesa solene do evento os conselheiros do CNMP Antônio Edílio Magalhães, Paulo Passos e Jaime Miranda, além de membros do MPPE, do MPU e da Corregedoria Nacional.    A correição no MP de Pernambuco é a quinta da atual gestão, iniciada em fevereiro deste ano.    Com o lema "Respeito e Inclusão", a Corregedoria Nacional busca realizar um trabalho de maior aproximação com a sociedade, favorecendo a  concretização de direitos fundamentais, tais como: a defesa da mulher em situação de violência doméstica e familiar; o enfrentamento à discriminação de raça; o enfrentamento à violência contra a população LGBTQIAPN+ ; a defesa dos direitos das pessoas com deficiência; o combate às organizações criminosas; a garantia e proteção de dados pessoais de cidadãos; a defesa da infância e juventude (inclusive, na área de família); a defesa da educação infantil;  o enfrentamento dos crimes praticados contra crianças e adolescentes; dentre outros.   *Com informações e fotos da Corregedoria Nacional do MP. 

Notícias

Cadastre-se

E acompanhe todas as novidades do nosso Escritório

Contate-nos

Advogado Criminal Rio RJ  8006371
© 2024 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.